PESQUISAS

experimento [confina] (2020)
músicas circulares e infinitas para o instagram 

 

o experimento [confina] é um projeto de videocanções feitas para se ver e ouvir apenas no instagram. duram até 60 segundos e são circulares, para que sejam executadas repetidamente pelo player do aplicativo e, assim, não acabem “nunca” [3], confinadas em sua forma do mesmo jeito que, ironicamente, estamos dentro de nossos espaços físicos.

é possível acessar o experimento em http://www.instagram.com/c.o.n.f.i.n.a

araceu azul (2015)
improvisações e experimentos criativos de interação entre dança e música. 

em 2015, o trabalho realizado pelo programa vocacional no ceu butantã experimentou a interação entre as linguagens de dança e de música como forma de potencializar a sensibilidade e a criatividade nos artistas-vocacionados. 

orientados pelos artistas-orientadores mariana costa (dança) e daniel conti (música), o processo de criação envolveu técnicas como soundpainting, dança contemporânea e música aleatória, resultando em uma mostra que envolve, além de improvisações coletivas, um roteiro de coreografias, trilhas sonoras, textos e canções completamente autorais. 

o documentário acima apresenta depoimentos dos vocacionados e trechos da etapa final do processo de criação.

o violão de caetano veloso (2013)
como instrumento de apoio interpretativo e composicional. 

 

trabalho de conclusão de curso da especialização em canção popular pela faculdade santa marcelina, com orientação de ricardo teperman. o objetivo deste estudo foi levantar informações e discutir a abordagem utilizada por caetano veloso ao violão. através de análises bibliográficas e discográficas compreendendo o período entre os discos caetano veloso (1971, feito em londres) e totalmente demais (1986), buscou-se descobrir quais as principais características deste violão, de que forma ele se relaciona com sua voz e suas composições, e sua evolução durante a carreira deste compositor.

© 2020 por DANIEL CONTI. Todos os direitos reservados.